Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Leituras

divulgação de livros; comentário de obras lidas; opiniões; literatura portuguesa; literatura estrangeira

Leituras

divulgação de livros; comentário de obras lidas; opiniões; literatura portuguesa; literatura estrangeira

 

Mahbob Seraji, Terraços de Teerão, Editorial Presença, Outubro de 2011, 340 páginas.

 

Uma envolvente história de amor e de resistência.

A acção passa-se entre o Verão de 1973 e o final do Inverno de 1974, envolvendo um período de aproximadamente um ano.

Assistimos ao crescimento de alguns adolescentes durante os últimos tempos da ditadura do Xá Reza Pahlavi. É impressionante a narrativa das perseguições, chocante a referência às torturas por que passam todos aqueles que, de alguma forma, não concordavam com o regime. A força da população é extraordinária, na forma como as pessoas se adaptam à situação, sem fazerem cedências quanto aos seus ideais.

É intensa a caracterização destas personagens, a descrição dos seus sentimentos, dos seus ideais. Interessante a descrição dos costumes e rituais da sua cultura.

Acima de tudo, um exemplo de como se pode crescer interiormente, resistindo a todas as adversidades, mantendo a força da honra, da dignidade, do amor à justiça, sem nunca se deixar levar pelo desânimo e muito menos pela vontade de vingança.

 

Uma frase interessante a reter: " a vida é uma série aleatória de vinhetas graciosamente compostas, ligadas superficialmente por um fio de personagens e tempo."