Sexta-feira, 14 de Outubro de 2011

Nuno Camarneiro - No meu peito não cabem pássaros

 

 

Nuno Camarneiro, No meu peito não cabem pássaros, D. Quixote, 2011, 190 páginas.

 

 

Um livro que seduz pela beleza da sua linguagem. O autor, um jovem, estreante com este livro, embora já com alguns contos publicados em colectâneas.

 

Três personagens, três vidas, três cidades em diferentes locais do globo. Uma narrativa situada em diferentes espaços, tendo em comum um mesmo tempo (o ano de 1910), uma época marcada por um fenómeno extraordinário, a passagem de um cometa. As três personagens, todas ligadas à literatura, vão alternando nos diferentes capítulos da obra, dando-nos alguns registos da sua vida, num tom reflexivo, que nos mostra aspectos marcantes da sociedade e da relação do indivíduo com os problemas do dia-a-dia, reagindo à adversidade e procurando sobreviver.

 

Para ler de um fôlego e deixar-se arrastar pela magia das palavras, prestando um tributo à arte literária,à poesia.

publicado por isa às 14:25
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O vendedor de passados

. BARROCO TROPICAL

. A Amiga Genial

. Se Eu Fosse Chão

. O Lugar Supraceleste

. Horizonte

. Prosas Desfocadas

. Mal Nascer

. A Desumanização

. Retrato de Rapaz

.arquivos

. Julho 2017

. Junho 2017

. Outubro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

.tags

. todas as tags

.contador de visitas

blogs SAPO

.subscrever feeds